Contribuição da matéria orgânica na fertilidade do solo

Authors

  • Rafael Vinícius de Arruda Graduado em Agronomia pela Universidade de Cuiabá (Unic), MT, Brasil.
  • Victória Pontes Damasceno Araújo Graduada em Agronomia pela Universidade de Cuiabá (Unic), MT, Brasil.
  • Selma Barboza Campos Graduada em Agronomia pela Universidade de Cuiabá (Unic), MT, Brasil.
  • Konrad Kroker Rempto Graduado em Agronomia pela Universidade de Cuiabá (Unic), MT, Brasil.
  • Giovanna Oliveira dos Santos Graduada em Agronomia pela Universidade de Cuiabá (Unic), MT, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.29327/multi.2019020

Keywords:

conservacionista, húmus, solos

Abstract

Sistemas conservacionistas de manejo quando bem executado, podem apresentar um expressivo efeito na melhoria da qualidade de solos. Este trabalho tem como objetivo apresentar vantagens da utilização da matéria orgânica em contribuição às propriedades químicas do solo. A matéria orgânica (M.O) provém, em quase sua totalidade, dos organismos vegetais e, sua composição varia entre diferentes espécies vegetais e animais. Aproximadamente 95% do N e do S e 60% a 80% do P totais do solo estão localizados na matéria orgânica e são dependentes do processo de mineralização para serem absorvidos pelas plantas. Contudo, a matéria orgânica pode proporcionar maior produção de ácidos orgânicos no meio, consequentemente melhorar a fertilidade e sustentabilidade agrícola.

Downloads

Published

2019-09-16

How to Cite

Arruda, R. V. de, Araújo, V. P. D., Campos, S. B., Rempto, K. K., & Santos, G. O. dos. (2019). Contribuição da matéria orgânica na fertilidade do solo. Multidisciplinary Reviews, 2, e2019020. https://doi.org/10.29327/multi.2019020

Issue

Section

Mini-Review

Most read articles by the same author(s)